Once Upon a Pink Moon

2022

Era Uma Vez Uma Lua Cor-de-rosa

2022
The pandemic has accentuated our relationship with what we call "home." Which led me to question the dubious relationship between the domestic space with the idea of safety: While quarantining and staying at home makes us safer from COVID-19, it has also increased the notified domestic violence cases in Brasil by 36% in 2020*.

The photographs of this project are of the walls of my home. They were created with 35mm film that was corroded by different spices used in Brasilian recipes. The white walls anchor the photographs in my house, a Brasilian home, at the same time as they work as a white canvas for the creation of our post-pandemic utopia.

What emerges from these walls are amorphous bodies and dreamlike, multicolored and abstract landscapes. A new world derived from their own degradation, under shades of pink.

Metaphorically, the pink moon is uncharted terrain, a new world. In astronomy, it marks the beginning of spring, a time of transition and bloom. Ultimately, the pink moon represents Change.

(Source: Ligue 180 and the Brasilian Public Security Forum).
A pandemia acentuou nossa relação com o que chamamos de “lar”. O que me levou a questionar a relação dúbia desse espaço com a ideia de segurança: ao mesmo tempo em que a quarentena foi a medida protetiva mais eficiente contra o COVID-19, ela desencadeou um aumento de 36% dos casos notificados de violência doméstica no Brasil em 2020*.

As imagens são fotografias analógicas das paredes brancas de minha casa, criadas pela corrosão do filme por diferentes especiarias As paredes brancas ancoram as fotografias em minha casa, um lar Brasileiro, ao mesmo tempo que servem como a tela em branco para a criação de nossa utopia pós-pandêmica.

As imagens que emergem destas paredes são de corpos amorfos e paisagens oníricas sob tons cor-de-rosa, um mundo novo criado por sua própria devastação.

A lua cor-de-rosa simboliza mudança. Na astronomia, ela marca o início da primavera, um período de transição e florescimento. De forma metafórica, a lua cor-de-rosa é um terreno não cartografado, perfeito para a criação de nossa utopia.

(Fonte: Ligue 180 e o Fórum Brasileiro de Segurança Pública)